Translate


Flagrei minha esposa fazendo sexo por telefone!

Sou um homem casado e venho relatar uma experiência um tanto diferente para mim. Tenho uma mulher linda e muito fogosa, nosso sexo sempre foi extremamente quente e muito bom!

Em um dia destes cheguei mais cedo do trabalho e estava tarado, doido pra transar com a patroa, principalmente por saber que estávamos sozinhos em casa, pois nossa filha estava na casa dos meus pais.

Quando cheguei pelo silêncio pensei que minha esposa não estivesse em casa. Fui subindo para o quarto e nos degraus da escada começo escutar gemidos. Aqueles gemidos eu conhecia muito bem, eram de minha esposa.

- Isto chupa minha bucetinha bem gostoso, isto...

- Ah minha aluninha safada, tô louco pra comer este seu cuzinho.

- Uhmmm e eu vou adorar este cacete safado fodendo meu cuzinho.

"Não é possível! Ela não..." Estava perplexo e fiquei tão nervoso que já estava preparado para matar aquela vagabunda. Fui chegando de mansinho a beira da porta do quarto que estava entreaberta. Espiei o quarto pelo reflexo do espelho, avistei minha esposa sozinha na cama, completamente nua e se masturbando, o telefone no modo viva-voz emitia a voz daquele filho da puta!

Fiquei sem reação, paralisado, espiando e vendo-a se tocar.

- Isto, mais forte vai... fode meu cuzinho, fode... - ela dizia.

Fiquei estranhamente excitado com aquilo e imediatamente comecei a bater uma punheta. Ela falava com algum tarado ao telefone, o notebook estava aberto em cima da cama o que me fez imaginar que provavelmente era uma brincadeira de pós bate-papo.

A vi gozar, ela gemia forte e suas perninhas tremiam, que delícia! Apreciando aquela cena aumentei o ritmo da punheta até acabar gozando em minha mão.

- Querido foi muito bom, mas nada de e-mails ou fotos eu amo meu marido. Beijos e quando eu quiser de novo eu te ligo.


Falou isto e desligou o telefone. Meu alívio veio de imediato ao ouvi-la despedindo-se daquele homem sem demonstrar nenhum afeto. Entrei no banheiro ao lado do quarto para lavar a mão que segurava minha porra. E assim que sai do banheiro dei de cara com minha esposa ainda nua saindo do quarto. Ela ficou vermelha, notei que ficou assustada, mas sem rodeios a puxei pela cintura e a beijei calorosamente levando-a pra cama.

Tirei somente meu pau pra fora e entre suas pernas a estoquei forte, como um animal selvagem. Depois a pegando de quatro comi seu cuzinho como jamais havia feito antes, bombando muito forte.

Transamos até anoitecer. Foi então que por volta das 20hs com ela deitada no meu peito eu disse a ela sobre o que havia presenciado. Ela me olhou, vi seus olhos tristes naquele momento, ia se justificar, mas logo a interrompi, acariciei o seu rosto e a beijei e a pedi que fizesse aquilo novamente, pois queria assisti-la.

Ela sorriu, pegou o telefone e deu um redial. O tarado atendeu, ela colocou o telefone no viva-voz. Me olhando bem safada com seu pezinho acariciando meu pau ela começou:

- Oi quer ser agora, meu médico?

Eles fantasiavam; começaram a montar cenários, figurinos e eu ouvia tudo aquilo ficando cada vez mais excitado. Por um segundo ela colocou o telefone no mute e me convidou para participar, mas eu não aceitei queria vê-la em ação.

E assim foi que vi novamente minha esposa se masturbando ao som da voz daquele desconhecido e eu me masturbando ao lado dela. E claro que não resisti e no momento que era pra meter, soquei a rola na minha mulherzinha fazendo-a gemer de verdade até gozar.

Foi uma noite maravilhosa e agora temos esta nova diversão.

Mais tarte ela acabou me confessando que adorava fantasiar virtualmente, ou por telefone, era um fetiche , me pediu perdão por não ter tido nada, tinha medo de como eu iria encarar.

Sabendo disto certo tempo depois criei um perfil fake na internet, descobri a sala de bate-papo que ela frequentava e consegui conquistá-la. E hoje posso tarar minha mulher quando estou fora de casa e a voz dela é tão gostosa ao telefone que me faz imaginar cada coisa, ahrrh!! Tesão! Em algumas ocasiões onde eu estou sozinho no escritório até ligo pra ela de um chip especial, só para fantasiarmos e gozar bem gostoso.

E o que poderia ser para muitos, motivo para uma briga e até separação aquilo só fortaleceu meu casamento e hoje estamos cada vez mais tarados e apaixonados um pelo outro.


*** Este relato foi escrito em Outubro/2010 e reeditado em Maio/2014 sem deixar que perdesse sua essência. 

* Todos os nomes dos personagens, assim como de instituições utilizadas neste texto, são apenas nomes fantasias e não referenciam a nenhuma pessoa, local ou razão social.

** Participe deixando seu comentário no campo abaixo!

8 comentários:

  1. Adorei o conto. A reação inesperada demonstra amor e cuplicidade entre o casal,e não há nada mais excitante que isso. Gostoso quando os parceiros dividem tudo entre si,inclusive as fantasias sexuais.

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Cris é muito bom mesmo com os parceiros dividem tudo, e principalmente as fantasias sexuais rs ....

      Excluir
  2. Comentado por: jordanel em: 15/05/2014 no site ContoErotico.Com
    Comentario: Muito bom, criativo diferente dos contos postados.

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. Obrigado J... fico contente em saber que tenha gostado.

      Excluir
  4. Comentário feito por docecomomel em Climaxcontoseroticos.com
    Meu caro escritor que texto excelente,meus parabéns.A fantasia ajuda apimentar a relação do casal.Muito bom é claro que há pessoas que curtem o que temos que fazer é aceitar, o importante é que todos sejam felizes,cada qual tem sua forma de procurar a felicidade(Docecomomel)

    ResponderExcluir
  5. Comentário feito por Borghi no site Climaxcontoseroticos.com:
    Meu caro, há fantasias que temos e morremos com elas sem que outras pessoas saibam. Seria, talvez, o caso de sua esposa se você não a tivesse pego em flagrante mas, pergunto sempre a mim mesmo, qual o problema de nossas mulheres terem fantasias? Que mal há? Nós não temos as nossas? E quando elas servem para melhorar a performance das esposas/companheiras/namoradas enfim, que ótimo, que continuem assim... tenho um caso muito parecido aqui em casa (kkkk. Parabéns a vocês, continuem assim liberais, abertos e se respeitando sempre. Grande abraço do Borghi.

    ResponderExcluir

O que achou deste conto? Expresse a sua opinião comentando neste campo. O comentário pode ser feito até como Anônimo, basta selecionar a opção no campo abaixo (Comentar como:).

 

Quem sou eu...

Minha foto

Quero compartilhar através de minha escrita um devaneio de sensações, sentimentos e desejos. Sejam bem vindos e apreciem sem moderação.

Qual o seu Sexo?

Contato como o autor:

Nome

E-mail *

Mensagem *

O que achou do Visual deste Blog?