Translate


Dante (Parte 2) - Por Cris

Como assim entre no carro? nós nem nos conhecemos.
-Você vai ter que confiar em mim.
-Não,eu não posso.

Ele se aproximou,segurou no meu braço,me olhou nos olhos,e disse com voz firme:
-Vamos! Entre no carro.

Meu subconsciente me recriminava,meus sentidos em alerta,más havia algo naqueles olhos me fez ceder. A mão nas minhas costas,me guiando para o carro me fez arrepiar.

Durante o curto trajeto que fizemos,eu pensava na loucura que eu estava fazendo. Ele não respondia as minhas perguntas,apenas me pedia pra ter calma,que conversaríamos depois. O cheiro que ele emanava estava me deixando atordoada.


Este conto é dedicado ao homem que me inspirou: Dante.

Cris.

2 comentários:

  1. Cris como comentei no seu blog o seu conto está muito excitante. Maldade sua parar logo naquela cena... consegui sentir aqui. Parabéns!

    ResponderExcluir

O que achou deste conto? Expresse a sua opinião comentando neste campo. O comentário pode ser feito até como Anônimo, basta selecionar a opção no campo abaixo (Comentar como:).

 

Quem sou eu...

Minha foto

Quero compartilhar através de minha escrita um devaneio de sensações, sentimentos e desejos. Sejam bem vindos e apreciem sem moderação.

Qual o seu Sexo?

Contato como o autor:

Nome

E-mail *

Mensagem *

O que achou do Visual deste Blog?